Willian Tardelli - Fotojornalismo em Araxá e região

Você está aqui

PM descobre “QG” de assaltantes e apreende armas, munições e cerca de 30 quilos de explosivo em mata no município de Tapira/MG.

Publicado em 11-12-2017 00:00

A Policia Militar de Tapira e Araxá, na madrugada do dia 07 de dezembro do ano de 2017, durante rastreamento e diligências complementares a ocorrência de explosão de caixa eletrônico na cidade de Tapira, que ocorreu em 05 de dezembro do referido ano, conseguiram com êxito localizar enterrado em uma mata na zona rural do município, diversas armas de alto poder de destruição, varias munições, coletes a prova de bala, bem como cerca de 30 quilos de explosivos utilizados para explosão de caixas eletrônicos.

 

Policiais militares da cidade de Tapira, durante rastreamentos pela zona rural conseguiram localizar uma caminhonete utilizada pelos assaltantes em meio a uma mata, e ao realizarem buscas em torno do veiculo, conseguiram localizar as armas de fogo, munições de diversos calibres, explosivo, ferramentas, coletes balístico que foram furtados de uma empresa de segurança e algumas peças de roupas utilizadas pelos autores.

 

Todo material localizado estava enterrado em bombonas plásticas de 200 litros, em vários pontos em meio à mata. O Sub Comandante do 37º Batalhão de Policia Militar, Major Ademir Fagundes, fala com a reportagem sobre os trabalhos. Os explosivos que foram encontrados no local, provavelmente fazem parte do material utilizado na explosão do banco Sicoob na cidade de Tapira, e também com fortes indícios de serem utilizados em outras ocorrências de explosões caixas eletrônicos no estado de Minas Gerais. Os explosivos apreendidos foram transportados pelo BOPE (Batalhão de Operações Especiais de Belo Horizonte), que se deslocou da capital especialmente para este ocorrência na cidade de Tapira.

 

A Perícia Técnica da Policia Civil de Araxá foi solicitada e compareceu no local, e acompanhou os trabalhos do Batalhão de operações especiais, no manuseio dos explosivos, bem no momento teste de eficiência, que foi realizado em uma área aberta de campo na zona rural. A reportagem teve acesso ao local que foi feito o teste e o estrago que o explosivo pode provar é muito grande, vejam. Logo após a detonação foi realizado a queima de todo o material explosivo pela equipe do BOPE, sendo também acompanhado pelos peritos criminais da Policia Civil de Araxá.

 

Após os trabalhos de confecção do boletim de ocorrência da Policia Militar, o delegado regional Dr. Vitor Hugo Heisler da Policia Civil de Araxá, que esteve no local juntamente com uma equipe de investigadores no apoio aos trabalhos da Policia Militar, falou com a reportagem sobre a continuidade dos trabalhos de investigação que ficara a cargo da equipe de furtos e roubos da regional de Araxã, comandada pelo delegado Dr. Conrado Costa da Silva e sua equipe de investigadores. CONFIRAM A MATÉRIA COMPLETA EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE NO VIDEO ABAIXO.

 

.

 

Acompanhe no Facebook

Publicidade