Willian Tardelli - Fotojornalismo em Araxá e região

Você está aqui

Restos mortais encontrado enterrado em meio a plantação de café, podem ser da vitima Edson Alves, morto em abril em Araxá.

Publicado em 05-06-2017 00:00

      A Polícia Civil de Minas Gerais, na tarde desta segunda-feira, 05 de junho, conseguiu localizar uma ossada PROVAVELMENTE do corpo de EDSON ALVES CARDOSO, de 43 anos, ao qual foi vítima de um homicídio entre os dias 20 e 21 do mês de abril deste ano de 2017 em Araxá/MG.

      As intensas investigações estão sendo realizadas a mais de 40 dias, e que estão a cargo da 2ª Delegacia regional de Polícia Civil de Araxá, chefiada pelo Delegado regional Dr. Vitor Hugo Heisleir, e pela Delegacia de Crimes Contra a Vida, chefiada pelo Delegado Dr. Vinicius Ramalho Lima e equipe de investigadores, após diligências, conseguiram localizar a ossada humana, que se encontrava enterrada em meio a uma lavoura de café, na zona rural da cidade.

      Uma guarnição do Corpo de Bombeiros de Araxá, foi solicitada e juntamente com uma equipe de investigadores, realizaram a escavação no local, e recolheram os restos mortais, que foi removido ao IML de Araxá, onde serão realizados exames complementares, como exames de DNA e arcada dentária, para que se comprove 100% de certeza que a ossada, seja da vítima Edson. A perícia técnica da Polícia Civil, também compareceu no local e realizou seus trabalhos de praxe.

      As investigações continuam no intuito de prender o principal suspeito do crime, que se encontra foragido e foi identificado como sendo LEANDRO ALBERTO RODRIGUES, de 32 anos. Segundo o Delegado Dr. Vinicius Ramalho, com base nas investigações, tudo indica que a ossada seja mesmo da vítima Edson, porem após exames no instituto de criminalística, isso poderá ser afirmado com mais certeza.

      Ainda segundo as investigações, a vítima teria sido morta por disparos de arma de fogo, na residência de Leandro, localizada no bairro Santa Rita, e a motivação seria por questões de um desentendimento entre a vítima e Leandro, referente uma negociação da compra de uma carteira nacional de habilitação, que a vítima teria prometido conseguir ao suspeito Leandro, inclusive com o pagamento da quantia de R$ 5.0000,00 reais a vítima, a qual não foi efetivada.

      Qualquer informação sobre a localização do suspeito Leandro Alberto Rodrigues, que possa ajudar a Polícia, podem ser repassadas à Delegacia de Polícia Civil de Araxá, no telefone 034 36625655, 197 e o 181. Sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo.

Acompanhe no Facebook

Publicidade